sexta-feira, 10 de maio de 2013

10/05/2013: 12 anos sem meu querido, amado, idolatra salve salve PAIdrasto querido JOSÉ AUGUSTO ROCHA :(

INTROSPEÇÃO por Rosa Berg

Um plácido silêncio adormece, nesta tarde, em minha alma.
O tenso frio do inverno contrai-se na inércia das horas do relógio da minha saudade.
Um sino, ao longe, faz minhas lembranças regurgitarem devaneios latentes, mas ignorados,
avisando-me que meus sonhos andam socados nas gavetas da vida.
Em meus armários internos, há muito lixo para se jogar fora.
Tenho caminhado sem batuta, sem maestro, sem notas musicais, sem importar se faz sol ou se chove.
Tenho flores descuidadas nos vasos de minhas pulsações.
Tenho janelas abertas nos quartos das emoções.
Tenho ausências autografadas no meu coração.
Tenho estilhaços de vidraças quebradas em meus sentimentos distantes.
Tenho distancias desenhadas nos mapas de minha estrada.
Já não sei mais de mim.
Já não sei mais de coisa nenhuma.
No cálice de meu refúgio, resta-me beber o vazio de meu ser para umedecer a poeira de minhas palavras mudas.
Não estou triste, não estou cansada, não estou NADA.


10/05/2013: 12 anos sem meu PAIdrasto querido JOSÉ AUGUSTO ROCHA a quem homenageei quando escolhi o nome para este humilde blog. Um pouco da nossa história já contei em outra postagem AQUI. Essa semana tenho estado ausente, com sentimentos aflorados (o texto acima caiu como uma luva), o riso tão habitual por aqui, que muitas dizem vir buscar ao acessar esse cantinho da internet, juntamente com a mensagem de DEUS, não está conseguindo sair, sinto imensa saudade do meu paizinho querido, que escolheu ser meu pai desde o primeiro dia em que me conheceu e nos deixou tão abruptamente, nem acredito que já se passaram tantos anos, minha introspecção tem me levado a pensar muito sobre nossa existência e a razão para passarmos tão brevemente pela vida, o que me leva a pensar ainda que sendo tão breve como algumas pessoas podem conseguir acumular sentimentos ruins tendo tão pouco tempo para viver a dádiva que DEUS nos dá a cada manhã de crescer entre os nossos, amar é tão melhor, amar a DEUS, amar ao próximo, amar viver, amar é sempre tão gratificante e o mundo seria melhor se cada um conseguisse exercitar apenas esse verbo simplesmente AMAR. Creio que semana que vem eu esteja melhor para a rotina de postagens dos looks e outros assuntos mais leves, como gosto de ser. Beijinhos mil. Fiquem e estejam sempre com DEUS. Esse espaço que conquistei na internet é minha terapia, amo a interatividade com cada um de vocês leitores daqui, é só um tempo de introspecção minha, vai passar, como já passou em outras vezes. leila diniz:


(ele cuidou da minha mãe como ninguém nessa vida cuidou ou cuidará, 
nem mesmo eu, também por isso meu amor eterno a ele)




2 comentários:

  1. Oiii

    E que bom que teve alguém assim tão importante pra vcs... que presente maravilhoso tiveram a sorte de ter em suas vidas.
    Um ótimo fds!!

    Beijos
    http://brincandodemulherzinha.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Amiga, de onde ele estiver estará sempre com vocês, faço minhas as palavras da Gê: "Que presente maravilhoso..."
    Um beijo e um ótimo final de semana

    PS.: Não repare na minha falta de frequência...está sempre no meu coração!

    ResponderExcluir

Comente com o Facebook: